Tantas tias (Ziraldo)

Tantas tias

 

Ziraldo teve uma deliciosa convivência com as tias dele e, das lembranças que ficaram, construiu com beleza e emoção poemas sobre dores e amores, alegrias e tristezas, das coisas que sabe delas.

Fonte: Livraria Cultura



Comentários

Deixe seu comentário

Todos os comentários estão sujeitos a aprovação