Secretaria da Cultura



Aconteceu na BSP

Teve início no último fim de semana a série de atividades programadas em homenagem ao centenário de nascimento do escritor baiano Jorge Amado.

No sábado, Paula Knoll, do Nosso Grupo de Teatro, comandou a Hora do conto com a história O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá, uma fábula sobre o amor e a amizade que se aprofundam com o tempo.

 

Hora do conto com Paula KnollPaula Knoll narra história de autoria de Jorge Amado (foto: Alexandre Rapolli)

 

Hora do conto com Paula KnollEntre os participantes estavam Leni de Sousa e seu filho. “Ótima narração com incentivo à literatura. O papel da contadora me fez despertar para a literatura de Jorge Amado” (foto: Alexandre Rapolli)

 

Veja abaixo fotos de outras atividades do fim de semana.

 

 

Recriarte

 

Oficina de xadrez para inciantesTiago Freitas (à esq.) orienta novatos na oficina de xadrez para iniciantes (foto: Marcelle Brasserotto)

 

 

Artes & Arteiros

 

Intervenção de palhaçosNinguém escapa das brincadeiras do Palhaço Sandoval (foto: Marcelle Brasserotto)

 

 

Hora do conto

 

Hora do conto com Letícia Finatti e Sandra SaavedraLetícia Finatti e Sandra Saavedra, do grupo Três Marias e Um João, contam diversas histórias, como A menina enterrada viva (foto: Alexandre Rapolli)

 

Hora do conto com Letícia Finatti e Sandra SaavedraMais de 30 pessoas participaram da contação, entre elas Ingrid Saywi Kinchoko e seu filho. “Esse tipo de atividade deve acontecer sempre porque colabora para o enriquecimento cultural das crianças. Isso faz com que elas possam sonhar” (foto: Alexandre Rapolli)


Comentários

Deixe seu comentário

Todos os comentários estão sujeitos a aprovação